fbpx
Proprietário da Francesinha Pizzeria fala sobre sua participação no 3º Festival Enogastronômico de Sete Lagoas

Proprietário da Francesinha Pizzeria fala sobre sua participação no 3º Festival Enogastronômico de Sete Lagoas

Inspirada nos cafés franceses e com diversas influências desse país, A Francesinha Pizzeria foi fundada em 22 de junho de 2011. Em 2019, a Pizzaria comemora oito anos de funcionamento e, durante esse período, tornou-se referência na cidade quando o assunto é alta gastronomia. O estabelecimento, que tem como proprietário o empresário Marcelo Marini, possui espaço aconchegante e atendimento diferenciado.

Quais as suas expectativas em participar do 3º Festival Enogastronômico?
Para nós da Francesinha Pizzeria é uma honra e um privilégio muito grande, ter a oportunidade de participar do 3º Festival Enogastronômico de Sete Lagoas. Por ter participado de todas as edições anteriores, sabemos da credibilidade e da qualidade desse evento. Esperamos que seja mais uma excelente oportunidade de presentear Sete Lagoas com grandes opções de diversão e entretenimento, através da gastronomia, que as famílias, os casais de namorados e os amigos possam se sentar juntos, compartilharem a mesma mesa, e claro, passarem momentos inesquecíveis degustando pratos e vinhos de altíssima qualidade.

A participação de vocês na última edição do Festival Enogastronômico foi muito boa. O público pode esperar novidades para essa edição do Festival ? Quais?
Um dos diferenciais competitivos da Francesinha Pizzeria é justamente a inovação! Nós trabalhamos incansavelmente para trazer o que há de mais moderno no Brasil e no mundo para os nossos clientes, então, pode ter a absoluta certeza que vamos surpreender quem vier a Francesinha Pizzeria, apresentando uma das maiores tendências do mundo da pizza. A nossa harmonização ficou fantástica.

A Casa de vocês está entre as mais renomadas de Sete Lagoas. Qual é o diferencial e a proposta da Francesinha Pizzeria?
Nós somos muito gratos a todos os nossos clientes e a cidade de Sete Lagoas. Foram eles que nos ajudaram a evoluir, a sermos melhores todos os dias, e com isso, receber o reconhecimento a nível nacional. Estar entre as 20 melhores pizzas do Brasil em 2018 foi gratificante e nos mostrou que todo o esforço em busca da evolução vale a pena. E tudo isso foi conquistado graças ao que nos diferencia do mercado, e em primeiro lugar é a inovação, nós nos posicionamos como especialistas em pizzas, e por isso, viajamos o mundo todo buscando novas receitas, ingredientes diferenciados, novas maneiras de fazer o que fazemos ainda melhor e tudo isso com o foco no nosso cliente. Para nós, o que importa é a opinião dos nossos clientes, o bem estar, a felicidade e a satisfação. Por isso, trabalhamos duro para levar a melhor experiência gastronômica a cada cliente que visita a nossa casa.

O público pode esperar uma harmonização mais tradicional ou inovadora para essa edição do Festival?
O público vai se surpreender com uma inovação voltada ao que há de mais tradicional no mundo em pizzas. Vamos resgatar a Vera Pizza Clássica, que é o que há de mais tradicional e clássico em pizzas do mundo, buscando a simplicidade, o artesanal, a maneira caseira de fazer pizza que anda fazendo muito sucesso no mundo inteiro e configura a maior tendência em pizzas dos últimos tempos.

Fale um pouco sobre os cardápios da Casa. Quais os principais pratos e vinhos?
A Francesinha Pizzeria trabalha com um cardápio extremamente enxuto. Gostamos da ideia de servir somente o que o cliente ama. No nosso caso, o menos é mais! Então, desenvolvemos uma massa de pizza extremamente crocante, um molho de tomates frescos feito na casa, com tomates muito bem selecionados pela nossa equipe, e as coberturas exclusivas desenvolvidas pelos nossos chefs pizzaiolos. Temos as opções de pizzas clássicas, pizzas gourmet, pizzas premium e pizzas doces. Destaque para as pizzas: Margherita Gourmet que foi elaborada para o primeiro festival enogastronômico e que até hoje é uma das mais vendidas da casa, a pizza Nordestina Gourmet que foi eleita a melhor pizza de Minas Gerais em 2018, a pizza de Queijo de Cabra ao Mel, que tem uma autentica receita Francesa e a pizza de Burrata com Pesto e Presunto de Parma, que é hoje a pizza mais premiada da casa.

Você acha importante a cidade de Sete Lagoas ter eventos voltados para a Enogastronomia e a Cultura do Vinho? Fale um pouco a respeito.
Sete Lagoas tem um potencial gigantesco para o turismo, que infelizmente não é tão bem explorado. Percebemos que temos grandes empreendedores que se esforçam para realizar grandes atrações na cidade, e é exatamente nessas oportunidades que temos que apoiar e mostrar o quanto Sete Lagoas pode ser melhor em todos os aspectos. A Francesinha incentiva bastante eventos como esse, e é por isso que estamos presentes em praticamente todos os eventos gastronômicos e esportivos, mostrando o quanto achamos importante participar de festas e eventos como esse.

Qual mensagem você gostaria de deixar para quem ainda não conhece A Francesinha Pizzeria e o Festival Enogastonômico?
Essa é uma excelente oportunidade de ver o que a pizza e o vinho podem fazer por você! Experimente passar momentos incríveis junto com sua família e das pessoas que você ama, aproveitando o melhor da gastronomia.

Essa entrevista é a terceira da série “Restaurantes do 3º Festival Enogastronômico de Sete Lagoas”. Dentro de alguns dias conheça um pouco mais da história e cozinha da Fiorenza PizzariaLagoa EspetosMiracolo e Tsuki.

 

Via Site Setelagoas.com.br